Dia 3: “Sabei que o Senhor é Deus! Foi ele quem nos fez, e somos dele; somos o seu povo e ovelhas do seu pasto”

Não há nada mais importante para nós, seres humanos, do que saber quem somos, de onde viemos e para quê existimos. O mundo responde a esta pergunta para nós de várias formas, ora nos enaltecendo, ora nos oprimindo. Os pares de rótulos antagônicos são intermináveis:

feio—bonito,
fraco—forte,
fracassado—bem-sucedido,
néscio—inteligente,
bobo—esperto,
ignorante—sábio,
corrupto—honesto,
excluído—bem-relacionado,
iletrado—erudito,
simples—sofisticado,
indesejado—desejado,
chato—simpático,
irresponsável—cumpridor do dever,
mundano—santo,
zé-ninguém—importante

Muitos de nós organizam suas ações a partir do medo de vir a ser chamado por alguma destes nomes negativos. Outros entre nós, mais idealistas, tentam se pautar imprimindo uma marca positiva. Mas nenhum rótulo, marca, nome, positivo ou negativo, consegue resolver a pergunta básica “Quem sou?” de forma satisfatória. Qualidades podem se tornar defeitos e defeitos viram virtudes numa sociedade que teima em se afastar do seu Criador. Nos
tornamos vulneráveis e perdidos, como palha que o vento espalha.

No terceiro versículo do Salmo 100 o poeta resolve este problema. Saibam de onde vocês vêem—de Deus, saibam quem são—ovelhas de um Pastor que cuida e nunca abandona. Jesus, alguns séculos depois da escrita deste salmo, se apresenta como o Bom Pastor que dá a sua vida pelas ovelhas. O salmo continua a nos instigar: adquiram a consciência e a certeza de que vocês pertencem ao grande rebanho do Bom Pastor. Não estão excluídos, esquecidos ou abandonados. Somos o seu povo, e rebanho do seu pastoreio!

Ore

  1. Você consegue identificar qual dos pares antagônicos acima influencia os seus passos? Do que você tem medo? O que você tenta projetar para os outros? Entregue isto a Jesus e peça que ele o ajude a resistir a tentação de tentar provar quem você é, para as pessoas ao seu redor.
  2. Você percebe como é difícil para os jovens hoje chegarem a uma identidade madura e saudável? Ore para que Deus se revele a cada um e os batize com nomes que revelam aspectos da sua imagem e semelhança que os fazem únicos. Peça a Deus para que mais adultos se disponham a caminhar com os jovens em amor, amizade e sabedoria, para que não se sintam sós, abandonados e vulneráveis aos ataques do nosso inimigo.
  3. Peça a Deus que ajude às crianças e adolescentes do seu convívio a buscarem este consolo e segurança no colo do Bom Pastor, mesmo quando tudo ao seu redor estiver conspirando contra eles. Peça ao Senhor que envie mais pessoas para acolher as crianças e os adolescentes com o valor e seriedade que eles merecem.
  4. Peça a Deus que atue de maneira poderosa nas nossas comunidades de fé para que deixemos de lado as práticas de clubes sociais. Que o nosso rebanho cresça e se fortaleça para que se torne o lar de todos os pequeninos, como é a vontade do nosso Bom Pastor.

Amanhã, ore por todas as gerações com a quarta frase: “Entrai pelas suas portas com ação de graças, e em seus átrios com louvor; dai-lhe graças e bendizei o seu nome.”

Por Elsie Gilbert, imagem James Gilbert

    Receba nosso boletim quinzenal gratuitamente

    Prerencha seu nome e o melhor email abaixo para receber nosso boletim

    Não se preocupe, não enviamos spam!

    Receba nosso boletim quinzenal gratuitamente

    Preencha seu nome e o melhor email abaixo para receber nosso boletim

    Não se preocupe, não enviamos spam!