fbpx
NÚCLEO ASSISTENCIAL DE DESENVOLVIMENTO INTEGRAL

NÚCLEO ASSISTENCIAL DE DESENVOLVIMENTO INTEGRAL

  • QUEM SOMOS?

“Um galo sozinho não tece uma manhã: ele precisará sempre de outros galos…” João Cabral de Melo Neto – Tecendo a manhã.
O Núcleo Assistencial de Desenvolvimento Integral (NADI), é uma organização sem fins lucrativos e foi fundada em 30 de junho de 2013, com o propósito de efetivar a proteção social e a garantia dos direitos, como alavanca mobilizadora para pessoas que se encontram em situação de risco e vulnerabilidade social.
Acreditamos que por meio do desenvolvimento social, contribuímos para construção de uma sociedade justa e solidária e para a promoção de comunidades saudáveis. Buscamos no diálogo, a criação de soluções conjuntas, a proposta de um relacionamento efetivo no processo de desenvolvimento de programas que atendam as comunidades locais.
Nossos Projetos

CCA ESPAÇO COM VIVER

Público alvo: crianças, adolescentes, jovens, adultos e suas famílias.

“E, com a emoção, se abrem as janelas da atenção, foco necessário para a construção do conhecimento”… (MORA,2013,p 66)

Em 2014, iniciamos o Centro para Crianças e Adolescentes com 25 crianças do bairro do Dom José – Capão Redondo, com proposta de contra turno escolar no período da tarde.
Desde 2018, foi firmado convênio com a Prefeitura Municipal de São Paulo. São atendidos mais de 120 crianças e adolescentes, nos turnos da manhã e tarde, efetivando também o acompanhamento de suas respectivas famílias, perfazendo a média de 680 pessoas.
O CCA atua na área da Assistência Social de Proteção Social Básica e contempla a modalidade de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, com a realização de atividades Socioeducativas, Lúdicas, Artísticas e Esportivas. Se coloca também como
espaço de referência para políticas públicas, afirmativas, direito, justiça e paz, sendo um lugar de experimentação e prevenção às situações de risco e vulnerabilidade
social.
Nosso objetivo é atender 100% das NECESSIDADES básicas das famílias.
Acontece por meio de:

  • Atividades sócio educativas com crianças e adolescentes;
  • Atividades sócio educativas com famílias;
  • Atendimento de orientação para famílias;
  • Visitas domiciliares para famílias;
  • Projetos especiais para crianças e adolescentes;
  • Reuniões coletivas com as famílias;
  • Articulação para encaminhamentos de necessidades familiares para a rede de serviços do território;
  • Apoio e suporte as necessidades sociais das famílias;
  • Eventos locais;
  • Disseminação de informação por meio de palestras;
  • Acesso à informação dos direitos e responsabilidades.

CRI
Público Alvo: homens – faixa etária dos 18 aos 65 anos.
“No desapontamento a esperança nasce, que vivo o presente, independentemente do que passou…” Os Arrais.

Em 2013, iniciamos a Comunidade Terapêutica em São Lourenço da Serra – SP, com
pessoas que apresentam transtornos por uso de substâncias psicoativas, para resgate de sua identidade, por meio de acolhimento, suporte e intervenções qualificadas.
A entrada das pessoas acontece de forma voluntária ao acolhimento e visa o fortalecimento de vínculos, aprendizagem social, crescimento pessoal e resgate da cidadania.
A comunidade estimula a capacidade produtiva das pessoas, com atividades socioeducativas, lúdicas, artísticas e esportivas, além do cultivo de horta orgânica e de permacultura – técnicas sociais de plantio.

CJC
Público Alvo:  adolescentes de 16 a 24 anos.
“Se, a princípio, a ideia não é absurda, então não há esperança para ela”. Albert Einstein.

Em 2017, realizamos o CJC – Programa que contribui para o desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e atitudes voltadas para o âmbito profissional e pessoal de jovens, gerando oportunidades de inserção no mercado de trabalho como aprendiz a partir dos 16 anos ou como colaborador a partir dos 18 anos. No currículo também estão garantidas atividades que trabalham o desenvolvimento de expressão corporal, oral e escrita, estímulo a autonomia crítica e olhar apreciativo da comunidade, a valorização da cultura local, a sensibilização e mobilização para a importância da consciência dos direitos individuais e coletivos, o olhar crítico sobre a vida, a utilização de ferramentas de comunicação como forma de atuação na comunidade e a promoção de oportunidade de geração de trabalho e renda nas comunidades. O CJC trabalha com metodologias ativas, na qual o aluno participa do processo desde a construção da aula até o seu encerramento. São utilizadas ferramentas e recursos tais como: vídeos, músicas, leitura e interpretação de texto, dinâmicas de grupo, jogos teatrais, com o intuito de propor atividades atrativas e fortalecedoras do processo de aprendizagem.

SEAS RESOLVE
Público Alvo: pessoas em situação de rua.

“Quando não houver caminho
Nenhum lugar pra chegar
É hora do recomeço
Recomece a caminhar.” Bráulio Bessa.

Público Alvo: Famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, com violação de direitos, como: violência física, psicológica e negligência; violência sexual; afastamento do convívio familiar devido à aplicação de medida de proteção; situação de rua; abandono; trabalho infantil; discriminação por orientação sexual e/ou raça/etnia; descumprimento de condicionalidades do Programa Bolsa Família em decorrência de violação de direitos; cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto de Liberdade Assistida e de Prestação de Serviços à Comunidade por adolescentes, entre outras.
O SEAS apresenta como proposta: Serviço de forma continuada e programada, com a finalidade de assegurar trabalho social de abordagem e busca ativa que identifique, nos territórios, a incidência de trabalho infantil, exploração sexual de crianças e adolescentes, situação de rua, dentre outras e assegurar o acompanhamento pós direcionamento. O Serviço busca a resolução de necessidades imediatas e a promoção da inserção na rede de serviços socioassistenciais e das demais políticas públicas na perspectiva da garantia dos direitos.
A abordagem social constitui-se em processo de trabalho planejado de aproximação, escutam qualificada e efetiva na construção de vínculo de confiança com pessoas e famílias em situação de risco pessoal e social nos espaços públicos para atender, acompanhar e mediar acesso à rede de proteção social e intersetorial.

  • ONDE ESTAMOS? FALE UM POUCO DA HISTÓRIA E DO MOMENTO EM QUE VOCÊS VIVEM HOJE.

Bairro Jd. Dom José, subdistrito do Capão Redondo – SP; considerado uma das áreas da capital de São Paulo com uma população chegando a 300.000 habitantes e com uns dos menores IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) da capital.
Iniciamos nossa trajetória com o patrocínio de uma empresa e de uma organização não governamental estrangeira. Por 3 anos atuamos com atendimento de 2 turmas em um período. A partir de 2017, começamos a atuar nos dois períodos e ampliamos uma faixa etária. Em 2018, foi firmado convênio com a PMSP e assim, foi possível ampliar o número de atendimento e a estrutura de trabalho.
O Nadi conta com profissionais graduados e em formação: orientadores sociais, assistentes técnicos e gerência, sendo este, um dos seus diferenciais no trabalho desenvolvido.
O Nadi está em um momento histórico em seus 7 anos de atuação.
Em 2020, contamos com novos profissionais na linha de frente da gestão e implantação de novos projetos. É um ano de crescimento!

  • A QUEM SERVIMOS? RELACIONE OS SEUS BENEFICIÁRIOS.

Sociedade, comunidade, jovens, famílias, crianças e adolescentes.

  • O QUE VOCÊ PODE APRENDER CONOSCO? FAÇA UMA LISTA DE MATERIAIS, METODOLOGIAS OU OPORTUNIDADES QUE A SUA INSTITUIÇÃO PODE PROPORCIONAR.

Aprender : o trabalho de fortalecimento de articulação
o trabalho em rede
conhecer novos parceiros
conhecer novas experiências
Pode Proporcionar:
O desenvolvimento da Pedagogia no Terceiro Setor;
Metodologias inovadoras para trabalho com crianças e adolescentes ;
Olhar criterioso para a subjetividade das Crianças/Adolescentes, intervenções e
encaminhamento de demandas;
Como desenvolver roteiros para as oficinas;
O papel do Educador Social no trabalho com Crianças/Adolescentes:
O papel das organizações Sociais na Proteção Básica da Assistência Social;
Gestão organizacional e socioeducativa
Espaço para cursos e reuniões ( da Rede Mãos Dadas).

  • O QUE CONSIDERAMOS UMA GRANDE CONQUISTA PARA NÓS?

Sermos reconhecidos pela comunidade, como uma organização ética , com desenvolvimento de um trabalho com qualidade , excelência e que atua de acordo com valores cristãos.

Continuar acreditando que

# É POSSÍVEL

a implantação da justiça
a equidade de direitos
a criação de oportunidades para todos
o trabalho em rede chegar em muitas pessoas
continuar sempre …

  • CONTATO:

NÚCLEO ASSISTENCIAL DE DESENVOLVIMENTO INTEGRAL

CCA ESPAÇO COM VIVER
R. Anum Preto, 12B. Jr Dom José. São Paulo – SP.

CEP: 05887-320. TELEFONE: (11) 5827-5105/98909-9988
EMAIL: gislainecca@nadi.org.br
FACEBOOK: NADI
INSTAGRAM: nadioficial

 


Receba nosso boletim quinzenal gratuitamente

Preencha seu nome e o melhor email abaixo para receber nosso boletim

Não se preocupe, não enviamos spam!


Curta e siga-nos!

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat